sexta-feira, 30 de março de 2012

Parabéns ao Casal

A FETARN parabeniza o mais novo casal Erivan do Carmo Silva, Diretor de Juventude e Francisca Dias Ribeiro Silva.  O mesmo é natural de Coronel Ezequiel e ela de Doutor Severiano. 
A cerimonia de casamento foi realizada ontem em Natal. 


Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN

quinta-feira, 29 de março de 2012

EDITAL DA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL RURAL EXERCÍCIO 2012

click no edital para ampliar



                                 click na guia para preencher


Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN

Falta de Chuvas Compromete a Lavoura em João Câmara


O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de João Câmara visita as comunidades rurais e constata a situação de quem plantou e esta para perder toda a sua safra por falta de chuvas.
Além desse entrave climático, há muitos poços comunitários que estão quebrados à espera de manutenção - Diz o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais Francisco Matias.
Ontem em visita as comunidades de Brinco de Ouro,Tubibas, Ipe, Serra Verde, Xoa, ficou acertado com os representantes das comunidades que se fará uma audiência com o Sr. prefeito municipal em busca de soluções para atender as necessidade imediatas das pessoas que ali moram e das outras comunidades.

quarta-feira, 28 de março de 2012

Nota de Apoio a FETARN e ASSEMA


quarta-feira, 28 de março de 2012

O Sindicato dos Técnicos Agrícolas do Estado do Rio Grande do Norte – SINTAG-RN entidade que representa todos os Técnicos Agrícolas, nas suas diversas modalidades, do Estado torna público seu apoio às manifestações da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Estado do Rio Grande do Norte - FETARN e da Associação dos Servidores da EMATER-RN - ASSEMA diante do desmonte do serviço público estadual.
A falta de estrutura, pessoal e demais condições de trabalho para órgãos como a EMATER-RN, IDIARN, SAPE, EMPARN, SEARA dentre outros é um gargalo monstruoso no avanço das políticas públicas para milhares de Agricultores Familiares do Rio Grande do Norte, bem como para os produtores rurais que necessitam destes órgãos tendo em vista a comercialização, fiscalização, etc.
Sem a valorização dos profissionais Técnicos Agrícolas e os demais que atuam neste setor de vanguarda da economia potiguar não haverá progresso e desenvolvimento sustentável para nossos agricultores que diariamente labutam na produção de alimentos para a humanidade.

Natal, 28 de março de 2012.

A Diretoria

Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN

segunda-feira, 26 de março de 2012

"PRONACAMPO é uma conquista histórica" - Diz José Wilson diretor da CONTAG

Apresentação do Programa

Discurso de José Wilson diretor da CONTAG



Postado: Paulo José - Assessoria da FETARN 

sexta-feira, 23 de março de 2012

Vice Presidente da FETARN se recupera após cirurgia

O vice presidente da FETARN Francisco José da Silva foi internado nesta sexta feira, no Hospital Center em Natal, para uma cirurgia de emergência.  Durante o Conselho da FETARN nesta quarta e quinta o mesmo já havia falado para todos os presentes que estaria se afastando das atividades durante 30 dias e que a sua assessoria iria estar à frente de todas as ações da secretaria de política agrícola e que após esse período, de repouso necessário, estaria voltando novamente as suas atividades junto aos sindicatos e comunidades rurais.
O mesmo esta sendo acompanhado de perto pela sua esposa Ana Maria e seus filhos, que em visita no final desta tarde, externaram os votos de estima e melhoras dos diretores e funcionários da FETARN.
 

Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN

Nota de Repúdio do MSTTR

Click na Imagem para Ampliar

Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN

GRUPO TEATRO ENFOC SE APRESENTOU PELA PRIMEIRA VEZ NA FETARN


ESTE GRUPO FOI CRIADO PELA SECRETARIA DE FORMAÇÃO DA FETARN, SÃO DOZE COMPONENTES, INTEGRANTES DE TODA REGIÃO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE,. FIZERAM SUA PRIMEIRA APRESENTAÇÃO NA FETARN, DURANTE O CONSELHO DELIBERATIVO, SENDO QUE ESTE GRUPO JA SE APRESENTOU EM DOIS ESTADOS QUE FORAM NA BAHIA E PIAUI, DURANTE OS  MODULOS DA ENFOC NORDESTE, ONDE FIZERAM SUA FORMAÇÃO E TAMBEM SE APRESENTARAM EM LUZIANIA/GO, DURANTE O ENAFOR - ESCOLA NACIONAL DE FORMAÇÃO. MAIS NESTA APRESENTAÇÃO DO CONSELHO DELIBERATIVO DA FETARN, NÃO ESTIVERAM TODOS, MAIS MESMO COM ALGUNS DESFALQUES, A APRESENTAÇÃO FOI UM SUCESSO.
TAMBEM FOI ASSISTIDOS ALGUNS VIDEOS QUE O GRUPO FEZ, E AO FINAL O Sr. ASSIS - O SECRETARIO DE MEIO AMBIENTE DA FETARN, E TAMBEM COMPONENTE DESTE GRUPO FEZ UM BRILHANTE DEPOIMENTO.
O SECRETARIO GERAL DA FETARN - O Sr. JOSE EDSON, TAMBEM FEZ UMA BRILHANTE DEPOIMENTO AO GRUPO E TAMBEM A TODOS OS PRESENTES NO EVENTO, FALANDO O QUANTO ESTE GRUPO É UNIDO, E COMO FIZERAM SUAS APRESENTAÇÕES EM OUTROS ESTADOS, E ESTÃO COM UMA META DE PASSAR TODOS OS CONHECIMENTOS PARA A BASE SINDICAL, E TAMBEM DA CONTINUIDADE A OUTROS GRUPOS QUE VÃO SURGIR NA ENFOC ESTADUAL.

REPRESENTANTES DOS POLOS SINDICAIS DO ESTADO DO RN QUE PARTICIPARAM DA 3° TURMA DA ENFOC NORDESTE:

ALMIR MEDEIROS - DO STTR DE ANGICOS - REPRESENTANDO O POLO CENTRAL;

NEUMA - DO STTR DE MARTINS - REPRESENTANDO O POLO AUTO OESTE;

ELIZAMAR - DO STTR DE PARELHAS - REPRESENTANDO O POLO SERIDÓ;
ASSIS - DO STTR DE ACARI - REPRESENTANDO O POLO SERIDÓ;
JUNIOR - DO STTR DE CARAUBAS - REPRESENTANDO O POLO MEDIO OESTE;
ROSALIA - DO STTR DE SANTANA DO SERIDÓ - REPRESENTANDO O POLO SERIDÓ;
FRANCISCA DIAS - DO STTR DE Dr. SEVERIANO - REPRESENTANDO O POLO AUTO OESTE;
RUTI - DO STTR DE ITAIPU - REPRESENTANDO O POLO MATO GRANDE;
QUETSON - DO STTR DE ITAJA - REPRESENTANDO O POLO DO VALE DO AÇU. 

DILCINEIA - REPRESENTANTE DO ALTO OESTE
JOSE EDSON - SECRETARIO GERAL DA FETARN
DARIONE - ASSESSORA DA FETARN
MAIS FOTOS DO DIA 21 E 22 DO CONSELHO DELIBERATIVO DA FETARN.

 EQUIPE DA 3º TURMA DA ENFOC NORDESTE DO RIO GRANDE NORTE FEZ APRESENTAÇÃO SOBRE OS RESULTADOS DURANTE E DEPOIS DA ENFOC
NOME DO GRUPO "TEATRO ENFOC"

DIRETORES DA FETARN
 SECRETARIO DO STTR DE ANGICOS O Sr. ALMIR MEDEIROS, DEBATE 
ALGUNS PONTOS DA PAUTA

 SECRETARIO DO MEIO AMBIENTE  DA FETARN DAR UM DEPOIMENTO
 SOBRE A TURMA DO RIO GRANDE DO NORTE 
QUE PARTICIPOU DA ENFOC NORDESTE

SECRETARIO GERAL DA FETARN, É MUITO APLAUDIDO 
APOS SEU DEPOIMENTO SOBRE A A TURMA DA 
ENFOC DO RIO GRANDE DO NORTE

quarta-feira, 21 de março de 2012

GOVERNO LANÇA O PROGRAMA NACIONAL DE EDUCAÇÃO DO CAMPO


21/03/2012
A presidenta Dilma Rousseff anunciou ontem, 20 de março, em cerimônia no Palácio do Planalto, o PRONACAMPO - Programa Nacional de Educação do Campo, que visa estabelecer um conjunto de ações articuladas que assegurem a melhoria do ensino nas redes existentes, bem como a formação dos professores, acesso e recuperação da infraestrutura das escolas e produção de material didático específico.
De acordo com o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, já no ano que vem todo livro didático terá a especificidade do campo, buscando resgatar as origens, raízes e relação dos povos do campo com a terra. Para ele, é necessário valorizarmos a cultura e as tradições do campo. “Se nós resgatarmos a cultura, dermos oportunidades para esses jovens e valorizarmos a sua história, seguramente estaremos resgatando uma dívida social neste país e abrindo um novo caminho para o futuro dos trabalhadores do campo”, afirmou o ministro.
A questão dos recorrentes fechamentos de escolas foi destacada pelo ministro. “Nos últimos 5 anos, 13.691 escolas foram fechadas com o objetivo de reduzir custos. Isso acaba penalizando os jovens, que precisam cada vez mais percorrer distâncias longas para ter acesso à escola.” De acordo com Mercadante, um projeto de lei sobre fechamento de escolas será encaminhado ao Congresso Nacional. “Queremos que o Conselho Municipal de Educação ou o Conselho Estadual seja ouvido antes da decisão do prefeito e do governador.”

Segundo José Wilson, secretário de Políticas Sociais da CONTAG e representante da Comissão Nacional de Educação do Campo que no ato representou os movimentos sociais que contribuíram para a elaboração do PRONACAMPO, o programa tem a cara, o coração e a alma das organizações sociais, que se esforçam por um Brasil melhor, mais justo e igual para todos. “O PRONACAMPO é uma conquista histórica”, afirmou. 

Mesmo sendo um grande passo, existem enormes desafios ainda pela frente. “É necessário que haja um pacto do governo federal com os governos estaduais e as prefeituras para que o programa seja efetivamente implementado nas bases – garantindo a participação dos movimentos sociais do campo”, afirmou José Wilson.

Última a falar, a presidenta Dilma Rousseff pontuou que não basta ter acesso à terra. Deve-se garantir as condições de sobrevivência. E os movimentos sociais, tanto no Grito da Terra quanto na Marcha das Margaridas, sempre reivindicaram que os povos do campo fossem reconhecidos e respeitados. “Somos um grande país que aposta que a agricultura familiar será a base de um Brasil mais democrático, onde haja garantia de oportunidade para todos”, afirmou a presidenta. Com o PRONACAMPO, Dilma aposta não só no dia de amanhã, mas sobretudo na perspectiva de que uma outra geração também se beneficiará com essa mudança de realidade social do campo brasileiro, garantindo que ele será um lugar digno para se morar e se criar os filhos. “Este é o papel estratégico do PRONACAMPO, que é ajudar a transformar o Brasil numa grande nação que tenha oportunidade para todos os brasileiros”, concluiu a presidenta.

MOBILIZAÇÃO DOS ASSALARIADOS RURAIS TERMINA SEM ACORDO COM O GOVERNO


21/03/2012
Depois de um intenso dia de mobilização na Esplanada dos Ministérios, os 5 mil trabalhadores assalariados e assalariadas rurais de todo o país saíram de Brasília sem uma resposta concreta do governo federal à pauta de reivindicações, entregue em 29 de fevereiro ao ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho. Os ministérios envolvidos alegaram que o prazo foi insuficiente para analisar todas as questões. O secretário de Assalariados e Assalariadas Rurais da CONTAG, Antonio Lucas, aceitou aguardar mais 30 dias desde que o governo anuncie um pacote de medidas que satisfaça os trabalhadores(as). "Vamos adotar uma postura diferente nas próximas audiências de negociação. Se o governo insistir em não atender as principais demandas dos assalariados e assalariadas rurais, vamos organizar ocupações e o que for preciso para conquistar os nossos direitos", alerta o secretário.
Lucas destaca que o Governo Dilma sempre contou com o apoio da categoria trabalhadora rural e que, por esse e outros motivos, espera que os ministérios e a presidenta se empenhem e reconheçam a importância dessas pessoas para o desenvolvimento rural sustentável do país e, principalmente, para a garantia da soberania e segurança alimentar. "Aliás, o modelo de desenvolvimento agrícola que está sendo colocado em prática pelo patronato, a partir de financiamentos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES), coloca em evidência a falta de prioridade do governo com as reivindicações do nosso público, ficando comprovado nessa resposta o tratamento desigual do governo em relação ao agronegócio e aos trabalhadores(as) rurais assalariados. Essa invisibilidade gera o aumento da informalidade nas relações de trabalho no campo, a falta de uma fiscalização constante e eficiente para combater o trabalho escravo, além da falta de um programa de transição da mecanização, que está extinguindo milhares de postos de trabalho no campo, principalmente no setor sucroalcooleiro", alerta.
Já o presidente da CONTAG, Alberto Broch, avalia que apesar de não ter saído uma resposta concreta desta audiência, o fato de o ministro Gilberto Carvalho ter assumido que os assalariados e as assalariadas rurais nunca estiveram na pauta do governo e que agora serão incluídos, já é uma importante vitória. "Também saímos com o compromisso do presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS), de que a Proposta de Emenda à Constituição 438/2001, mais conhecida como a PEC do Trabalho Escravo, será votada em 8 de maio", anuncia Broch.
A audiência contou com a presença da diretoria da CONTAG, de representantes das 27 Federações dos Trabalhadores na Agricultura, dos ministros Gilberto Carvalho e Pepe Vargas (Ministério do Desenvolvimento Agrário) e demais representantes de ministérios envolvidos nas reivindicações da Primeira Mobilização Nacional dos Assalariados e Assalariadas Rurais.
Lucas cobrou, ainda, uma resposta efetiva do governo quanto a inserção desses trabalhadores(as) na política de habitação rural; a extensão dos direitos trabalhistas, como PIS, seguro-desemprego e décimo terceiro salário, aos assalariados e assalariadas rurais contratados por tempo determinado; e a qualificação de 400 mil trabalhadores(as) em um período de quatro anos. "Reivindicamos também concurso público para aumentar o número de auditores fiscais do trabalho e a indicação de um novo ministro para o Ministério do Trabalho e Emprego", completa o secretário.
Mesmo pedindo um prazo maior para a negociação da pauta, o ministro Gilberto Carvalho adianta que a presidenta Dilma Rousseff é favorável à votação da PEC do Trabalho Escravo. "Temos que acabar com essa vergonha nacional. Aliás, acredito que podemos trabalhar a proposta de impedir a liberação de financiamentos aos empregadores envolvidos nessa prática",
afirma.

Já o recém empossado Pepe Vargas, elogiou o formato da mobilização e declarou o seu apoio e da presidenta Dilma à agricultura familiar e à organização dos assalariados e assalariadas rurais. "Fiz questão de estar aqui para aplaudir a ação de vocês. Essa pauta desmembrada facilita a negociação e o atendimento à pauta", avalia. O ministro adianta que pretende recolocar os assalariados(as) nos programas de acesso à terra.
Preocupados com a possível frustração das delegações de voltarem aos seus estados sem a apresentação dos resultados da negociação por um representante do governo, os demais diretores da CONTAG presentes na audiência fizeram outras cobranças, como a regularização dos STTRs que aguardam a liberação dos registros sindicais e a falta de compromisso em manter um diálogo permanente de negociação das pautas encaminhadas anteriormente. Mas, segundo os sindicalistas, não foi possível avançar nesse primeiro momento. A Secretaria-Geral da Presidência da República fez o compromisso de agendar novas audiências para negociar a pauta com todos os ministérios envolvidos (Desenvolvimento Agrário, Trabalho e Emprego, Previdência, Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza, Educação, Saúde e Planejamento).
Depois que Antonio Lucas e Alberto Broch anunciaram aos trabalhadores(as) que as negociações não avançaram, todos(as) concordaram em conceder ao governo mais 30 dias para analisar as reivindicações e dar uma resposta mais satisfatória aos cerca de 4,8 milhões de assalariados e assalariadas rurais brasileiros.  

Conselho Deliberativo da FETARN 2012

A FETARN deu inicio no dia de hoje ao seu conselho deliberativo de 2012.  O evento tem como objetivo a prestação de contas das atividades da FETARN no ano de 2011 e a apresentação do balanço financeiro da entidade.
Pela manhã esteve presente no conselho o Delegado Federal do MDA Raimundo da Costa Sobrinho que saudou a todos e todas e fez um convite especial para que os sindicatos que os mesmos se façam cada fez mais presentes nas atividades da Delegacia, principalmente nas discussões dos territórios.
Na parte da tarde foi a vez da Secretaria de Finanças e a apresentação dos candidatos na eleição desse ano que fazem parte do Movimento Sindical Rural.
Cerca de 130 pessoas representando os diversos sindicatos das regiões do estado e alguns convidados se fizeram presentes nesse primeiro dia a se espera um número bem maior no segundo dia.
A noite foi animada com um forró para todos os presentes.











Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN

sexta-feira, 16 de março de 2012

ASSALARIADOS E ASSALARIADAS RURAIS FAZEM PRESSÃO PELA GARANTIA DE SEUS DIREITOS


Click na imagem para acessar a Pauta final da MOBILIZAção Nacional

Postado Por: Joseraldo do Vale - Assessoria da FETARN

quarta-feira, 14 de março de 2012

FETARN e STTR de Caraúbas realizam capacitação para agricultores familiares


Dirigentes do Sindicato e da FETARN realizaram nesta sexta-feira dia 24/02 capacitação com grupo de agricultores objetivando acessar o Programa Nacional de Credito Fundiário. Constituído de 10 (dez) famílias, o grupo almeja comprar o imóvel rural denominado de Fazenda Umari que mede aproximadamente 500 (quinhentos) hectares, localizada na região de marrecas, margeada pelo Rio Umari neste município de Caraúbas, a qual pertence ao senhor Cleto Marinho do município de Apodí.
 
Jose Maria Junior na primeira parte do processo falou sobre a origem do programa, como também sobre as demais políticas públicas fruto das lutas do Movimento Sindical, chamando a atenção para a importância da sindicalização dos agricultores, como sendo uma necessidade para o crescimento e fortalecimento da luta camponesa.
 
Obdon Fernandes, assessor de política agraria da federação, fez uma exposição sobre as normas do programa, orientando passo a passo cada etapa para o processo de aquisição, que na sua visão deve ser trabalhado através da linha CPR, dada as características do grupamento. Após responder uma serie de perguntas das famílias beneficiárias, Obdon orientou também quanto a documentação dos beneficiários compradores e do proprietário, este que iniciará pelo processo de inventário da propriedade visto que sua cônjuge é falecida.
 Entre os encaminhamentos uma visita de reconhecimento da propriedade deve acontecer nos próximos dias para a devida identificação das benfeitorias existentes, para em seguida iniciar-se o processo de negociação de valores do imóvel; posteriormente uma nova reunião deverá acontecer no STR para que de posse da documentação e de uma previa negociação, seja realizado o cadastramento da proposta.
Para os agricultores (todos da região), havendo disposição da família proprietária em negociar o imóvel pelo valor justo, praticado na região, os mesmos estão dispostos a fazer a compra e logo em seguida iniciarem suas atividades na propriedade.  

Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN
Texto Original: Blog do STTR de Caraúbas

Sindicato de Caraúbas realiza atividade em comemoração ao dia 08 de março


O Sindicato dos Trabalhadores Rurais realizou neste dia 08 de março em parceria com a ATOS e Secretarias Municipais, Ato Público em defesa das mulheres caraubenses.
 A atividade que teve inico com a celebração de Missa Solene, em seguida contou com Ato Público, presentes varias autoridades e em seguida caminhada pela principal avenida, parando o centro financeiro da cidade e dirigindo-se até a praça da Matriz de São Sebastião  onde foram servidos alem da alimentação, uma serie  de serviços as homenagiadas do dia.
O Ato serviu para que as mulheres camponesas apresentassem uma serie de reivindicações ao Poder Público.
Representantes do G M do P A Firmeza
A tarde cerca de 40 (quarenta) mulheres representando os grupos  locais deste município participaram da Marcha de Mulheres pelas principais avenidas da cidade de Mossoró.
 
O evento teve seu encerramento na praça  Rodolfo Fernandes  - Centro, com Grande ato público.  

Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN
Texto Original: Blog do STTR de Caraúbas

terça-feira, 13 de março de 2012

08 De Março - Dia Internacional da Mulher

A FETARN através da sua Diretoria e Assessoria participou da comemoração do dia Internacional da Mulher em Cerro Corá-RN.  O evento contou com a participação do Delegado Federal do MDA Raimundo da Costa Sobrinho, STTR´s da região, autoridades locais e cerca de 300 pessoas das comunidades locais do município.
O evento iniciou-se com uma celebração e finalizou com o sorteio de brindes, lanche e um animado forró
Para a Sra. Ana Maria da Silva. Presidenta do STTR, o evento é muito importante para as trabalhadoras rurais e que todos os anos cada vez mais aumenta o número de participantes.
O Sr. Francisco José Vice Presidente da FETARN, ressaltou as lutas que o movimento sindical vem travando para que as mulheres possam ter os mesmos direitos que os demais e que a FETARN está em todas as regiões do estado fazendo essa atividade.
O Sr. Raimundo Costa parabenizou o STTR pelo evento e ressaltou a importância que tem o Sindicato para o Município de Cerro Corá que é um dos mais antigos em defesa dos trabalhadores e das trabalhadoras rurais.






  
 Postado Por: Paulo José - Assessoria da FETARN

segunda-feira, 12 de março de 2012

PRAZO DE DESINCOMPATIBILIZAÇÃO


Alguns pretensos candidatos devem ficar atentos ao prazo de desincompatibilização dos cargos que ocupam, sob pena de indeferimento dos seus registros de candidatura.  Explica-se: para evitar o contato próximo com os eleitores no setor de trabalho, devido o cargo que ocupa como também para possibilitar a realização de sua campanha, o servidor público, principalmente, além de outros atores, são obrigados a se afastar dos cargos. Assim, a ideia de desincompatibilização traduz a obrigatoriedade de afastamento de suas atividades habituais.
A Lei Complementar nº 64/90, conhecida como "Lei das inelegibilidades", traz as principais regras de desincompatibilização.
O site do Tribunal Superior Eleitoral apresenta tabela dos prazos. Vale a pena conferir

               http://www.tse.jus.br/internet/jurisprudencia/desincompatibilizacao/index.html#

Postado Por: Paulo José
Texto Original Extraído do Blog: http://marcelobrito-eleitoral.blogspot.com/

sábado, 10 de março de 2012

CONTAG SE POSICIONA SOBRE A APROVAÇÃO DO NOVO CÓDIGO FLORESTAL


05/03/2012
A Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura - CONTAG - reforça sua posição política sobre a revisão do Código Florestal ao defender tratamento diferenciado para agricultura familiar, a simplificação dos procedimentos e a garantia das atividades consolidadas como forma de garantir segurança jurídica, a descriminalização dos agricultores familiares, ao mesmo tempo em que assegura a manutenção dos empreendimentos.
 
O PLC 30/201, que revisa o Código Florestal, aprovado no Senado corrigiu muitas distorções do texto originariamente aprovado na Câmara dos Deputados. Ao incluir capítulo específico para a agricultura familiar, contemplou em grande parte as demandas da CONTAG que faz um equilíbrio entre a produção e a preservação do meio ambiente e da biodiversidade.
 
A CONTAG, mesmo reconhecendo que o texto sobre o Código Florestal poderia ser aperfeiçoado, defende a manutenção do texto aprovado pelos Senadores por considerá-lo mais adequado ao contemplar a maioria dos pleitos arduamente defendidos e conquistados pelos agricultores familiares.

Reunião do Pólo Central

A FETARN através de sua assessoria e diretoria se fez presente na reunião do pólo central no município de Fernando Pedroza.
A atividade faz parte do cronograma de reuniões do pólo e teve como objetivo discutir dentre outros assuntos: ENFOC (estadual e nacional); Reunião com o Banco do Nordeste; Contribuição Sindical; 08 de março e Território.
O evento foi bastante participativo e tive como ponto alto o discurso do Presidente do STTR de Fernando Pedroza que exaltou o bom trabalho da nova coordenação do pólo que vem fazendo o possível para que o pólo Central  torne-se referencia para a FETARN.


Postado por: Paulo José - Assessoria da FETARN
Fotos: Almir - Coordenador do Pólo Central

sexta-feira, 9 de março de 2012

8 de março


8 de março – Um marco referencial de luta e resistência das mulheres em torno da equidade de gênero.
Uma saudação especial ás mulheres trabalhadoras rurais do Rio grande do norte.

È com muita alegria que cumprimento e abraço á todas vocês: as minhas companheiras da Comissão Estadual da FETARN, ás minhas colegas Diretoras e as nossas Assessoras, as mulheres trabalhadoras rurais de todos os municípios do Estado enfim, todos os demais que fazem a grande família do MSTTR.  Gostaríamos de dedicar mais um 8 de Março á vocês e reafirmar como dia D de luta permanente durante todo o  ano de 2012 na nossa agenda sindical na busca contínua por igualdade de gênero e pelo Desenvolvimento da Agricultura familiar de forma sustentável, com mais autonomia e liberdade.
É um momento em que continuamos em marcha num esforço muito grande para monitorar e acompanhar as nossas conquistas e direitos que apesar de muitos, entendemos que ainda temos muitas dificuldades para acessar as ações de políticas publicas, cujas proposições somos protagonistas.
Gostaríamos de reafirmar que toda essa luta é diária, ela não tem fim, teve apenas um começo por mulheres de muita ousadia, como a Margarida Alves, nós mulheres trabalhadoras rurais de todo o RN estamos dando continuidade através de uma marcha permanente em defesa dos direitos das mulheres e da igualdade de gênero, isso estamos fazendo agora nestes eventos que estamos realizando hoje, em vários municípios.
Continuamos mobilizando e apresentando os pontos de reivindicação da Marcha das margaridas 2011, muitos deles já se encontram negociados com a Presidenta DILMA, a nossa pauta precisa avançar para todos os espaços públicos na perspectiva de provocar um diálogo com os governos locais e estabelecer através do carro chefe que é Terra, Água e Agroecologia que irá conduzir todo o processo dos demais eixos da nossa pauta: Biodiversidade e Democratização dos Recursos Naturais; Terra, Água e Agroecologia; Soberania e Segurança Alimentar; Autonomia Econômica, Trabalho e Renda; Educação Não-Sexista, Sexualidade e Violência; Saúde e Direitos Reprodutivos e Democracia, Poder e Participação Política. 
Portanto, neste 8 de março: Contamos com todas as “As margaridas do RN, para continuarmos em marcha, simplesmente porque durante toda a nossa existência, nós  nunca paramos de lutar”!

Antonia da Silva Dantas – secretária Estadual de Mulheres Trabalhadoras Rurais da FETARN

quinta-feira, 8 de março de 2012

SINDICATOS DA REGIÃO DO SERIDÓ COMEMORAM 08 DE MARÇO


O dia amanheceu mais florido em Acari, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais em conjunto com os demais sindicatos da região do seridó, a FETARN e o Pólo Sindical do Seridó, promoveram homenagem a Mulher, com cerca de 250 mulheres da região do Seridó, que começou com  café da manhã, em seguida caminhada pelas principais ruas da cidade,  se concentrando no correto da praça. As mulheres trabalhadoras rurais marcharam por: Terra, água, agroecologia, autonomia, paz e luta. Esteve prestigiando nosso evento o prefeito da cidade, secretários municipais e vereadores e encerrando com almoço. Sindicatos presentes, Carnaúba dos Dantas, Parelhas, Santana do Seridó, Equador, Cruzeta, São José do Seridó, Jardim do Seridó, Ouro Branco, São João do Sabugi, Ipueira, Caicó, Serra Negra, Jucurutu e São Vicente. 

PUBLICADO POR DIRETORIA STTR.

TOMA POSSE A NOVA DIRETORIA DO STTR DE CAIÇARA DO RIO DOS VENTOS


       Ontem dia 01 de março de 2012, foi realizado a posse da nova diretoria do sttr de caiçara do rio dos ventos, tendo como presidente o Sr. Manoel Correia e o seu vice presidente o Sr. Jose Gomes. 
        A posse foi na sede do STTR de caiçara, foi as 10:00 horas, estiveram presentes alguns representantes, são eles: O Secretario Geral da FETARN -  o Sr. Jose Edson de Oliveira; o Presidente da CUT/RN - o Sr. Jose Rodrigues; o Coordenador do Polo Central da FETARN e Secretario do STTR de Angicos/RN- o Sr. Almir Medeiros; a Secretaria do Polo Central da FETARN e Secretaria do STTR de Pedro Avelino/RN e Tambem 2ª Tesoureira da FETARN - a Sr. Maria Gabriela; o Presidente do STTR de Pedro Avelino - o Sr. Aluizio Maciel e entre outros.
         Os recem empossados agradeceram a presença de todos e ao final teve uma grande confraternização na propria sede do STTR.